Mundo Sustentável

A FAZENDA CUBO “APROXIMAR O PLANTAR DO COMER” É A SUA MISSÃO

As fazendas urbanas verticais nos fizeram refletir sobre a relação entre o campo e o urbano, a terra e o concreto. Elas, cada vez mais, ganham espaço em grandes metrópoles do mundo e estão localizadas dentro de antigas estações de trem, telhados, galpões, antigas lojas, entre outros. São espaços que comportam tecnologia, estruturas verticais e muito amor pela agricultura. É a nova forma de cultivar alimentos saudáveis, sem agrotóxico e muito próximo ao consumidor final.

A Fazenda Cubo

No coração do bairro de Pinheiros, em São Paulo, Capital, funciona a Fazenda Cubo e fomos conversar com o fundador e Engenheiro Ambiental, Paulo Bressiani, para conhecermos de perto esta proposta inovadora e que já trilha um caminho de sucesso no Brasil.

Jornal O Estado de São Paulo

Como Tudo Aconteceu

Paulo conta-nos como tudo começou Não sou filho de fazendeiros, mas a família possui uma propriedade em Franco da Rocha, na periferia da cidade, onde só tinha plantação de eucaliptos e mata preservada. Foi onde ele passou os melhores tempos da sua infância, descobrindo os segredos da terra, plantas e o convívio com os animais. Este convívio prazeroso veio mais tarde a direcioná-lo para Engenharia Ambiental (Politécnica/ USP) e um intercambio na Suécia com especialização em Recursos Hídricos.

Conta ainda Bressani: Gosto de plantas, gastronomia e tecnologia, quis fazer algo que criasse um impacto positivo ao meio ambiente, algo transformador e, por volta de 2014, comecei a ver as primeiras notícias ao redor do mundo de fazendas indoor, urbanas, e fazer muitas pesquisas, aí algo chamou minha atenção e passei a acompanhar isso de perto, a ideia cresceu dentro de mim e percebi que este projeto reunia muito dos meus interesses, assim nasceu a Fazenda Cubo em 2019, com o propósito de contribuir com uma alimentação saudável e aproximar a geração atual à natureza”.

O projeto iniciou junho de 2019 com a reforma de um galpão de 90 m², com o propósito de abrigar, o maior volume possível de estantes e canaletas com cultivo hidropônico de hortaliças em sistema indoor e iluminação artificial, LED, apropriada para agricultura. Em janeiro de 2020 é aberta a Loja em Pinheiros.

A criação da logomarca Fazenda Cubo, também não foi por acaso. O nome atribui ao fato de a produção ser medida por m³ e estar dentro de um ambiente fechado. O Slogan traduz a missão da empresa “Aproximar o Plantar do Comer”.

Investimento

Inicialmente o aporte financeiro foi de R$ 800mil reais, incluindo a reforma do local, projeto de iluminação, equipamentos necessários para climatizar o ambiente, entre outros itens, como aquisição de estantes, canaletas e investimento em equipamentos específicos.

Mais da metade do investimento foi destinada à iluminação. São 500 m de lâmpadas LED que tem a função de simular a luz do Sol, com um espectro específico para a cultura das hortaliças e ficam acesas 18 horas/ dia.

Produção

O cultivar das hortaliças, brotos e PANCS (Plantas Alimentícias não convencionais) é sem agrotóxicos, com sistema NFT (Nutrient Film Technique), o ambiente é climatizado e mantém a temperatura em 23 º C, com umidade de ar de 70% e rastreabilidade total.

O NFT é uma forma de cultivo hidropônico em que as plantas são cultivadas tendo o seu sistema radicular dentro de um canal, ou canaleta (perfis hidropônicos), onde suas raízes ficam em contato com uma solução nutritiva composta com água e nutrientes, ou seja, existe um fluxo constante desta solução nutritiva. É um filme muito fino, onde uma parte da raiz fica em contato com a solução, enquanto outra parte fica livre em contato com o oxigênio. O sistema de Hidroponia NFT necessita de um reservatório hidropônico para o armazenamento da solução, e está é bombeada para a bancada de cultivo, passando pelos perfis hidropônicos, onde entram em contato com as raízes dos cultivares e após este processo voltam ao reservatório. Fonte: HidroGood.

Explica o Paulo que com este sistema, o consumo de água chega a ser 90% menor, quando comparado a agricultura convencional”.

Inicialmente a Fazenda Cubo produzia 30kg/dia de hortaliças variadas, incluindo brotos e PANCS, só na unidade Pinheiros e atingiu rapidamente sua capacidade máxima de produção de 700kg/mês, gerando, desta forma, a necessidade de uma expansão.

  A EXPANÇÃO

Lembram da propriedade em Franco da Rocha? Paulo Bressiani expandiu a produção para a terra da família. Transferiu uma parte das hortaliças para lá e deixou na Fazenda Cubo de Pinheiros, às mudas mais delicadas, que exigem um controle maior na temperatura e na produção.

Em Franco da Rocha, foi construída uma estufa, e conta Bressiani “que a única alteração que muda em termos de forma de cultivo e controle da produção, é a iluminação. Enquanto em Pinheiros mantêm-se os LEDs, lá a iluminação é a luz natural do sol e uma maior produção de hortaliças e economicamente falando, ainda conto com a economia no custo de iluminação, já que é natural e isto é o que é mais oneroso no projeto”.

Declara ainda Paulo “Através das pesquisas técnicas que sempre são uma constante na Fazenda Cubo, soluções e oportunidades diferentes surgem para o cultivar de hortaliças novas, com maior porte e novos produtos, como ervas aromáticas, flores comestíveis, brócolis, tomates, etc, em canteiros maiores e em volta da estufa.

O trabalho com esta estufa começou a funcionar em outubro/novembro de 2021, passou pelos acertos de processos e hoje estão com a metade da capacidade de produção, estimando que em dezembro de 2022 já estejam com a capacidade total.

Atualmente a produção, com as duas fazendas, conta com um montante aproximado de 1.300 kg /mês.

O Mercado Consumidor

No segundo semestre de2019, começou buscando um nicho de mercado especial, o de Restaurantes de Alta Gastronomia em São Paulo. As suas pesquisas analíticas apontavam para carência de oferta de hortaliças especiais neste segmento e Paulo investiu nesta oportunidade, criando a demanda ideal para a Fazenda Cubo e tornando rapidamente o seu negócio viável.

Este planejamento estratégico criou a oportunidade para a abertura da Fazenda Cubo, em Pinheiros, em janeiro de 2020, com o objetivo de realizar vendas de balcão aos consumidores finais, moradores da região, e a venda on-line com entregas imediatas.

Declara Paulo Bressiani esta estratégia deu oportunidade de criar uma base de clientes sólida e foi um case de sucesso imediato, principalmente com a chegada da pandemia, onde as vendas on-line aumentaram e os pedidos dos restaurantes diminuíram”.

Com o pós- pandemia e a economia voltando ao normal, os restaurantes voltaram aos pedidos, tantos os antigos como os novos e houve aumento na procura dos consumidores de balcão e on-line.

Lançamento do Clube de Assinatura e Nova Embalagem

O que mais incomodava o proprietário era ter um estabelecimento, voltado ao bem-estar alimentar e a preocupação com o ambiente e ainda possuir embalagem plásticas, que tanto faz mal ao planeta. Frente a este cenário, Paulo, que sempre está buscando soluções inovadoras para a sua empresa, vai lançar   o Clube de assinaturas e a nova embalagem para seus produtos.

Conta Paulo que Elas são caixas retornáveis, com QR CODE com identificação do seu o cliente e, este leva para a sua casa a caixa e no próximo pedido traz de volta”. Uma forma simples de transportar as suas hortaliças e com uma pegada ecológica, além de reforçar o relacionamento próximo aos seus consumidores com o Clube de assinaturas.

Projetos Futuros

Atualmente está sendo feito investimentos para consolidar a tecnologia e o processo de cultivo da Fazenda Cubo, para futuramente desenvolver um plano estratégico com captação de parceiros para o desenvolvimento de uma consultoria com o conceito Powered By Fazenda Cubo para quem quiser montar a sua Fazenda Urbana.

Paulo Bressiani, explica que “a consultoria envolve todo um planejamento e suporte na operação, desde a análise de clima, fator este, que acaba por determinar o que poderá ser feito, ou não em termos de cultivo, análise da região, demanda do mercado consumidor, entre outros fatores”. Para Bressiani, esta é a forma ideal de investimento futuro e crescimento do modelo da Fazenda Cubo.

As fazendas urbanas trazem uma nova forma de se pensar a agricultura. Elas quebram os “elos” da cadeia de distribuição aproximando o cidadão urbano à produção de seus alimentos, de uma forma saudável, prática e gostosa. É a nova realidade nas grandes metrópoles, e veio para ficar.

Crédito das Fotos: Fazenda Cubo.

Colunista Beatriz Negrão

Carreira desenvolvida na área de Comunicação, atuando em empresas no Brasil e no exterior. Publicitária, Jornalista, Pós-Graduada em Marketing pela ESPM com experiência em gestão de clientes e projetos. Como jornalista, escreveu matérias em diversas revistas do setor e proferiu palestras viajando pelo País, abordando o tema Agribussiness. Certificados: certificado Ministério Del Lavoro Italiano e internacional de Siena/ Itália.

 E – Mail: neghrao@hotmail.com

Comentar