Viver Melhor

O QUE É IMPRESCINDÍVEL SABER PARA ARRASAR MISTURANDO CADEIRAS NA MESA DE JANTAR

Descubra o que faz o sucesso ou o fracasso da sua composição.

Se você é uma pessoa com um gosto com uma quedinha para o eclético, provavelmente já pensou em ter cadeiras diferentes na sua mesa de jantar.

Já percebeu também que essa é uma tendência que tem um efeito que poucos outros elementos têm na decoração.

A mesa de jantar rodeada por cadeiras diferentes expressa a sua personalidade, uma vez que é uma mistura é única.  Assim como uma “parede galeria” (composição de vários quadros na parede), a harmonia entre as cores e os acabamentos  é o que determina o sucesso ou fracasso desse tipo de decoração.

A ideia por trás dessa proposta é passar a sensação de que sua decoração simplesmente aconteceu… Que não houve planejamento para decorar sua sala de jantar. Afinal você teria pegado uma cadeira aqui, outra ali, e tudo acabou maravilhosamente casual.

Mas a realidade não funciona assim. Para misturar cadeiras é preciso conhecimento de alguns dos princípios do Design de Interiores.

Unidas pela cor amarela, está valendo tudo para essa cadeiras, até diferença de altura, o que deve ser evitado na maioria dos casos. Fonte: Livingetc.com

 

NA PRÁTICA COMO MISTURAR CADEIRAS:

 

Passo nº 1: Observe as alturas do encosto e do assento da sua composição.

Ouse nos materiais, na cor e nos estilos, mas evite juntar cadeiras de diferentes alturas.

O look final pode ficar comprometido e pior ainda, sua família e  convidados podem ficar desconfortáveis estando em alturas diferentes. Portanto meça a altura do encosto e do assento de cada uma sempre.

Em estilos completamente diferente essa mistura não causa confusão visual porque as cadeiras estão limitadas a duas cores discretas. Fonte: interiordesignideas.com

 

Passo nº 2: A harmonia cromática da composição é peça chave para o sucesso.

Existem duas maneiras básicas para escolher as cadeiras, no que diz respeito às cores.

Se deseja apostar num arco íris, ou seja, vai mesmo usar vários cromas, recomendo que se atenha a um mesmo modelo de cadeira.

Claro que sempre é possível uma criação mais interessante como a da imagem abaixo, porém requer mais habilidade.

As cores amarelo mostarda e laranja fazem parte da mesma família cromática e se complementam com o azul, cor oposta ao laranja no círculo cromático. Fonte: homefurniture.com

 

Ao contrário, se sua vontade é ter modelos diferentes, então eu recomendo manter uma uniformidade cromática.

Fórmula sem erro: Combinar uma mesa de madeira com cadeiras em estilos diferente, mas sempre  brancas. Neste exemplo todas as cadeiras são de fibra de vidro. Mas mesmo que houvesse uma variação de materiais, mantida a cor branca, o resultado seria um sucesso. . Fonte: Dcoracão.com. BR

 

Passo nº 3: Manter-se fiel a uma época facilita a escolha.

Usar cadeiras da mesma época ao redor da mesa de jantar dá uma tranquilidade quanto ao resultado. As décadas de 1950, 1960, 1970, conhecidas como a época do design “moderno da metade do século XX” é muito rica em design de cadeiras.

Neste exemplo as quatro cadeiras pretas são da marca Thonet. Três delas são modelos sem braço e tem assento em palhinha.  Apenas uma tem braço e assento diferente. Fonte: Houzz.com

 

Designers como Arne Jacobsen, o casal Ray e Charles Eames e Verner Panton têm inúmeras criações consideradas cadeiras ícones do design do século XX. Recomendo que inicie sua composição com um par de suas criações.

Por outro lado, unir épocas diferentes representa um desafio bem maior.

Caso seja essa sua vontade, conheça algumas cadeiras que são verdadeiros coringas. Cito aqui as eternas Thonet que combinam absolutamente com tudo e estão disponíveis com e sem braços.

Também no papel de coringa, principalmente em decorações no estilo industrial e boêmio, a cadeira Tolix está sempre presente nas misturas. Ela é fabricada com e sem braço numa grande variedade de cores.

Cadeira Tolix em azul. Fonte: arquivo próprio.

 

E então vamos lá? Misturar estilos e trazer personalidade para sua sala de jantar? Se sua mesa é retangular comece por modelos diferentes nas cabeceiras, no mínimo. Mesa quadrada? Use 2 modelos em pares. Mesa redonda? Mantenha a cor e use quantas diferentes você quiser. Qualquer dúvida você sabe onde me encontrar!

Quer aprender tudo sobre decoração de interiores e ainda trabalhar no ramo? Clique aqui e descubra como.

Fonte: dwell.com

Grande Abraço,

Silvana Hindi

silvana@decoracaosemduvida.com.br e Whatsapp 11 9 32778899

Colunista: Silvana Hindi

Designer de Interiores com mais de 20 anos de atuação no Brasil e no exterior, é fundadora da Decoração Sem Dúvida. Seu trabalho é marcado por uma abordagem mais humana e menos estética, do design de interiores.

 

www.decoracaosemduvida.com.br

https://instagram.com/decoracaosemduvida

https://facebook.com/decoracaosemduvida

 

Comentar